Portal de Noticias da Direita Brasileira

Rússia autoriza tratamento com hidroxicloroquina para Coronavírus

O remédio será distribuída nos hospitais que tratam os pacientes que deram positivo para o novo coronavírus
Rússia autoriza tratamento com hidroxicloroquina para Coronavírus
Presidente da Russia Putin. - Imagem Republica de Curitiba

Rússia autoriza tratamento com hidroxicloroquina para Coronavírus

Republica de Curitiba (https://republicadecuritiba.net/)

O governo russo autorizou o tratamento de pacientes com Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus com a hidroxicloroquina – derivada do remédio contra a malária cloroquina, cuja eficácia é alvo de debate mundial –, defendida pelo presidente Jair Bolsonaro. Em um decreto publicado na quinta-feira à noite, as autoridades deram instruções às organizações médicas nesse sentido, acrescentando que a China entregou mais de 68 mil caixas deste medicamento ao país, destaca o Correio do Povo.

O texto foi publicado depois de um telefonema ontem entre os presidentes russo, Vladimir Putin, e chinês, Xi Jinping. O remédio será distribuída nos hospitais que tratam os pacientes que deram positivo para o novo coronavírus, ou sob suspeita de contaminação. A agência russa de controle dos serviços médicos deverá monitorar o quadro para garantir a segurança e a eficácia do remédio. Assim como a cloroquina, derivada da quinina, é há várias décadas prescrita para tratar a malária.
 
O embaixador da Rússia na Índia, Nikolai Kuvashev, disse a repórteres na sexta-feira que a Índia forneceria à Rússia medicamentos para o tratamento de pacientes com coronavírus. Segundo ele, a remessa incluirá particularmente paracetamol e hidroxicloroquina. O embaixador acrescentou que os medicamentos devem ser entregues na Rússia no final de abril ou no início de maio.

OUVIR NOTÍCIA

O governo russo autorizou o tratamento de pacientes com Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus com a hidroxicloroquina – derivada do remédio contra a malária cloroquina, cuja eficácia é alvo de debate mundial –, defendida pelo presidente Jair Bolsonaro. Em um decreto publicado na quinta-feira à noite, as autoridades deram instruções às organizações médicas nesse sentido, acrescentando que a China entregou mais de 68 mil caixas deste medicamento ao país, destaca o Correio do Povo.

O texto foi publicado depois de um telefonema ontem entre os presidentes russo, Vladimir Putin, e chinês, Xi Jinping. O remédio será distribuída nos hospitais que tratam os pacientes que deram positivo para o novo coronavírus, ou sob suspeita de contaminação. A agência russa de controle dos serviços médicos deverá monitorar o quadro para garantir a segurança e a eficácia do remédio. Assim como a cloroquina, derivada da quinina, é há várias décadas prescrita para tratar a malária.
 
O embaixador da Rússia na Índia, Nikolai Kuvashev, disse a repórteres na sexta-feira que a Índia forneceria à Rússia medicamentos para o tratamento de pacientes com coronavírus. Segundo ele, a remessa incluirá particularmente paracetamol e hidroxicloroquina. O embaixador acrescentou que os medicamentos devem ser entregues na Rússia no final de abril ou no início de maio.

Fonte

Republica de Curitiba (https://republicadecuritiba.net/)

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Política
Primeira Dama de São Paulo é contra doação de alimentos a moradores de Rua: “eles...
Primeira Dama de São Paulo é contra doação de alimentos a moradores de Rua: “eles precisam se conscientizar”
VISUALIZAR
Economia
Bolsonaro: Mercosul é parte das soluções para recuperação pós-pandemia
Bolsonaro: Mercosul é parte das soluções para recuperação pós-pandemia
VISUALIZAR
Justiça
Justiça derruba decisão que determinou uso de máscara ao presidente
Justiça derruba decisão que determinou uso de máscara ao presidente
VISUALIZAR
Deficiência
A doce Letícia, síndrome de Down
A doce Letícia, síndrome de Down
VISUALIZAR
Economia
Bolsonaro anuncia mais duas parcelas do auxílio emergencial de R$ 600
Bolsonaro anuncia mais duas parcelas do auxílio emergencial de R$ 600
VISUALIZAR
Saúde
Novo vírus Chinês pode gerar pandemia: o G4 EA H1N1
Novo vírus Chinês pode gerar pandemia: o G4 EA H1N1
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )